Campeão olímpico, Boris Becker, cumpre pena em prisão violenta, superlotada e infestada de ratos

Campeão olímpico, Boris Becker, cumpre pena em prisão violenta, superlotada e infestada de ratos

A lenda do tênis alemão – vencedor de seis torneios de Grand Slam e um ouro na Olimpíada de Barcelona (1992) – responde por quatro crimes relacionados à sua autofalência

Fonte Daily Mail
4 de maio de 2022 / Curitiba (PR)

Boris Becker foi condenado a dois anos e meio de prisão por um tribunal londrino, isto depois de ser considerado culpado no processo ligado à autofalência declarada em 2017. A justiça britânica concluiu que o antigo número um do Mundo escondeu milhões de euros em bens para evitar pagar uma dívida que ascendia a quase 60 milhões.

O ex-tenista alemão, seis vezes campeão de torneios do Grand Slam, escondeu nomeadamente os dois troféus que conquistou em Wimbledon e agora acabou por ser considerado culpado em quatro dos 24 crimes de que estava acusado. Assim evitou uma pena mais pesada, mas foi, de qualquer das formas, condenado a dois anos e meio de prisão.

Entre as dívidas que tinha quando declarou autofalência em junho de 2017 estava um empréstimo de três milhões de libras para comprar uma propriedade em Palma de Mallorca.

O jornal Daily Mail informou que a prisão Wandsworth fica em um edifício da era vitoriana, está com superlotação e infestada de ratos. Também há relatos de brigas constantes entre os prisioneiros, que ficam mais de 22 horas por dia em suas celas.

O relatório de inspeção apontou que “os funcionários da prisão usaram a força 1.295 vezes durante o mesmo período, ou seja, quase quatro vezes por dia” entre 2020 e 2021.

Outras Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *